BEM-VINDOS AO BLOG, VISITEM TAMBÉM AS MÍDIAS SOCIAIS DECORA INTERI

Gramados: plantio

Como plantar grama





Plantar um gramado bonito é o sonho de todas pessoas que moram em casa, ou estão construindo, e pretendem ter grama na frente de casa. Por isso, é uma dúvida comum das pessoas como plantar grama.
Veja as etapas necessárias para você ter um gramado bonito:

Plantio da Grama

Antes de mais nada, o terreno deve ser cavoucado para retirar pedras e entulhos em geral. Comece agora o trabalho de nivelamento do jardim para que a forração acompanhe a altura do calçamento, plantando as placas e tapetes 5cm abaixo do nível da calçada, para não haver o desnível. Todas as espécies podem ser plantadas a partir de sementes, mudas, placas (30x30cm) ou tapetes (0,40 de largura x 1,25 m de comprimento). A terra precisa ser saudável, sem pragas.

Irrigaçãograma

Com atenção ao tipo de gramado e clima, a irrigação deve ser feita em intervalos mínimos de 15 dias no verão e, no máximo, 60 dias no inverno, sem encharcá-la e preferencialmente pela manhã. No frio a umidade se conserva mais, então uma rega só é suficiente.

Adubação do gramado

Faça uma cobertura de adubo orgânico (com húmus de minhoca, esterco e restos de vegetais em decomposição) nas primeiras fases do plantio, antes que a grama fixe suas raízes. Use 2kg de húmus por metro quadrado e depois de enraizada a grama repita a adubação duas vezes por ano. O adubo químico só deve ser usado em pouca quantidade e muita água, e só no início da primavera.

Poda da grama

Cada espécie tem uma altura ideal para o corte, mas o recomendável é quando a grama ultrapassar 2 cm de altura. Ex.: batatais (5cm), inglesa (20cm), japonesa (2cm), esmeralda (3 cm), são-carlos (20cm), bermudas ( 2cm) e grama preta (30cm).

Espécies de grama



Inglesa (Stenotophrum secundatum): ou santo-agostinho, não se adapta ao frio, mas é tolerante a salinidade sendo ideal para o litoral. Do tipo ornamental não suporta ser pisoteada.

São-carlos (Axonopus compressus): se adapta a umidade e ao frio e deve ser colocada em áreas de muito sol. Na estiagem deve ser irrigada regularmente.

Bermudas (Cynodum dactylum): a mais resistente, pois tem as folhas estreitas permitindo o pisoteio, geralmente encontradas em campos de futebol, play-grounds,etc.

Batatais (Paspalum notatum): a área plantada deve ser de meia sombra, mas é resistente ao pisoteio, pragas, secas e doenças sem maiores consequências.

Japonesa (Zoysia tenuifolia): é a mais fina e macia; crescendo pouco não precisa de muitos cortes, mas se não houver poda aparecem tufos como bolinhas.

Esmeralda (Zoysia japonica): é a preferida dos paisagistas, pois suas folhas são pequenas, estreitas e macias, e muito resistentes ao ataque de pragas e pisoteios.plantando-grama




DICAS DE JARDINAGEM PARA UM BELO GRAMADO

Use uma vez por ano um substrato próprio para gramados, como o Rendmax Green. Um saco de 55 litros cobre 5 m² de grama. Não use grama São Carlos para taludes íngremes porque seu sistema radicular é superficial. A emissão da haste floral no centro da agave significa o fim da vida da planta mãe. Podem ser conseguidas novas mudas plantando-se os "filhotes" que caem após a floração. Não coloque terra vegetal sobre o gramado, pois a análise dessa terra mostra sua baixíssima fertilidade, além de apresentar pragas como nematóides, sementes de ervas daninhas e outras.

Aproveite o final do ano para cuidar de seu Gramado



As chuvas que começam a cair nessa época do ano tornam a grama mais verde, e mais fácil a correção e adubação do solo. Por isso, o clima atual é ideal para a manutenção e embelezamento dos gramados.

Nessa época, deve ser feita a complementação da adubação da terra com componentes que fortalecem as raízes, como uréia ou NPK. Outro composto que dá bons resultados é a Tufa, feita a partir de elementos extraídos do carvão e usada em gramados e jardins.

Para quem está pensando em implantar um gramado ou aumentar sua área verde, é necessário antes preparar o solo, pois o terreno pode estar infestado de ervas daninhas. Nesse caso, é fundamental a eliminação das pragas com herbicidas. Dependendo do estado do solo, será ainda preciso implantar terra vegetal ou uma camada de areia para reforçar a permeabilidade das raízes da grama. A poda e a cobertura, com terra vegetal e Rendmax (composto orgânico próprio para gramados), devem ser feitas antes do inverno ou no início da primavera.

São três os tipos de gramas mais utilizados no paisagismo



Esmeralda – grama cultivada. Tem folhas finas e crescimento lento, por isso requer menos podas (cerca de três anuais). Sua raiz chega a ter 35cm de profundidade. Indicada para locais ensolarados como jardins e beiradas de piscinas, resistindo a terrenos inclinados, encostas e campos de futebol.

São Carlos – também cultivada. Suas folhas são largas e – grama nativa e mais rústica, de fácil adaptação. Apresenta folhas largas e semipilosas, de crescimento rápido. Recebe podas de 15 em 15 dias nos meses de chuva. É usada em praças, campos, áreas grandes e taludes (terrenos inclinados) por ser resistente a locais ensolarados.

O tempo necessário ao crescimento de um gramado de bom aspecto é de 45 dias em média. O enraizamento da grama se completa em 90 dias. Para tornar o seu gramado mais bonito e saber o tipo de grama ideal ao terreno onde irá cultivar, não deixe de consultar um agrônomo ou paisagista antes do plantio

Fonte: http://jardim.esobre.com/como-plantar-grama/

Para Recuperar o Gramado

Mesmo os gramados bem cuidados  apresentam áreas com falhas, decorrência do pisoteio ou surgimento de pragas e doenças. Mas essas áreas podem ser facilmente corrigidas. Confira o procedimento: 

 Apare a grama bem baixa; 

Com a lâmina de uma pá reta, desenhe um retângulo ou um quadrado em volta da área com problemas; 

Retire toda a grama de dentro da área. Se o problema foi decorrente de alguma praga ou doença, "trate" a terra com algum inseticida ou bactericida; 

Uma semana depois, revolva a terra, adube-a e proceda como se ali fosse um pequeno canteiro; 

Verifique se não precisa acrescentar mais terra. Desfaça os torrões, nivele o espaço e prepare-o para o plantio; 

Compre ou retire de um outro local do jardim, uma manta de grama da mesma espécie, cortada do tamanho do canteirinho feito; 

Instale a manta de grama no local, encaixando primeiro as bordas; 

Feito isso, atravesse sobre ele uma tábua e pise sobre ela para socar a terra sob a placa de grama. Mude a tábua de posição e continue a socar até que o gramado esteja devidamente nivelado; 

Regue generosamente neste dia e nos subsequentes. 

As 'cicatrizes da plástica' desaparecerão em cerca de uma semana ou pouco mais. 
Fonte: Dicas de Jardinagem